Mundo

Mulher de 102 anos suspeita de tirar a vida a outra mulher

Uma idosa de 102 anos, confessou à equipa médica da casa de repouso onde vivia, em Chézy-sur-Marne, em França, que teria tirado a vida a uma mulher, uma hóspede de 92 anos de idade, que terá sido encontrada m*rta no quarto com o corpo com vários ferimentos.

A autópsia revelou que a vítima faleceu por “asfixia provocada por estrangulamento e golpes na cabeça”.

A polícia já está a investigar o caso e a arguida de 102 anos de idade, está a ser submetida a uma avaliação psiquiátrica rigorosa.

Gostou do Artigo ?

Comentários