Famosos

Jornalista Clara de Sousa lança farpas à RTP e expõe sofrimento que passou

Gostou do Artigo ?
Subscrever Notícias do Dia

Clara de Sousa, jornalista da SIC, partilhou um dos momentos mais duros que passou na sua carreira.

A jornalista disse ter passado por momentos dificeis quando trocou a TVI pela RTP, acreditando que seria o salto da sua carreira profissional mas não foi isso que aconteceu.

A pivô do Jornal da Noite diz ter feito essa mudança na altura, procurando uma casa onde poderia se sentir mais feliz e realizada mas que foram dois ou três anos terriveis, os piores da sua carreira profissional.

Tive dois a três anos de profundo sofrimento na RTP. Nunca desisti e isso foi muito bom porque, depois, foram-me buscar para a SIC. Mas eu passei dois ou três anos terríveis na RTP“, disse.

No entanto, quando fui para lá, estava super feliz. Depois, as coisas mudaram. A gente sabe que, naquela altura, agora não sei como é que é, as pessoas que lideravam a RTP faziam a casa e faziam o que queriam com as pessoas que estavam abaixo delas – se gostavam, gostavam, se não gostavam, essas serviam para tudo“, afirmou ainda Clara de Sousa.

A jornalista agora da SIC recordou ainda o tempo em que esteve grávida e que foi forçada a apresentar o programa: “Saí da TVI para fazer o Telejornal. Fi-lo durante um ano e meio e depois chutaram-me para outra coisa. Chegaram a pôr-me às quatro da manhã e a apresentar o 24 horas gravidíssima. Tive de entrar em direto tendo contrações e com sete meses de gravidez“.

Todas estas declarações foram feitas a uma entrevista para o canal “Aralc Media Group”, no programa “Os dois à quinta”.

Gostou do Artigo ?
Subscrever Notícias do Dia

 

Deixe o seu comentário: